Dicas para cuidar do seu coração

1. Tome um bom pequeno-almoço logo no início do dia. Leite ou derivados magros ou meio-gordos, cereais ou derivados integrais e uma peça de fruta são uma boa escolha;

2. Faça várias refeições ao longo do dia. Além do pequeno-almoço, do almoço e do jantar, não esqueça as pequenas refeições do meio da manhã e do meio da tarde, para evitar estar tantas horas sem comer. Um iogurte e uma peça de fruta ou 2 a 3 tostas ou bolachas pouco açucaradas podem ajudar a que não sinta fome ao longo do dia; 

3. Veja os legumes e a fruta, principalmente as variedades de cor verde-escura e alaranjada, como seus aliados, pois promovem saciedade com um baixo valor calórico e são ricos em fibra e antioxidantes. Consuma legumes em grande quantidade ao almoço e ao jantar. No caso da fruta, 2 a 3 peças por dia são normalmente suficientes; 

4. Prefira os cereais e derivados mais escuros (menos refinados ou mesmo integrais), que são mais ricos em fibra mas também em vitaminas e minerais; 

5. Consuma regularmente peixe (idealmente todos os dias, alternando com a carne) e varie nas carnes, dando destaque às carnes brancas em vez de vermelhas. Evite abusar dos ovos (gema) pelo seu teor em colesterol e dos produtos de charcutaria que são ricos em sal e em gordura, principalmente de tipo saturado; 

6. Controle a quantidade de gordura que utiliza no seu dia-a-dia e escolha bem de acordo com o tipo de utilização que pretende. O azeite é uma excelente opção quer para confecionar quer para temperar. De qualquer forma, evite aquecê-lo demasiado. O óleo de amendoim é também resistente a temperaturas altas e pode ser usado para confecionar; 

7. Modere os teores de sal e de açúcares de adição na sua alimentação diária. Nem um nem outro nos fazem falta e em ambos os casos é uma questão de reeducar o paladar e ir reduzindo gradualmente. As ervas aromáticas são uma excelente forma de dar sabor sem recorrer a sal; 

8. Modere o consumo de bebidas alcoólicas e estimulantes (café, refrigerantes com cafeína,…). Abuse da água e beba pelo menos 1,5 l ao longo do dia. Chá verde e tisanas, quentes ou gelados, desde que sem açúcar, são outra forma de ingerir líquidos; 

9. Mexa-se! Escolha uma atividade física de que goste e pratique-a regularmente. Mas também pode aproveitar as oportunidades da sua atividade diária para se mexer mais: use as escadas em vez do elevador, sempre que possível ande a pé em vez de carro, ofereça a si mesmo um passeio ao final do dia. Todos os passos contam; 

10. Conheça-se bem e dê atenção ao seu corpo: Vigie o seu peso e mantenha-o dentro dos valores considerados; Avalie regularmente os seus níveis de colesterol sanguíneo; Meça a tensão arterial com regularidade;