Refeições ao ar livre com garantia de segurança alimentar

 

Com a chegada dos dias mais quentes cresce a vontade de passar mais tempo ao ar livre e, não raras vezes, saboreando algumas refeições. O aumento da temperatura ambiente é um fator que favorece o crescimento dos microrganismos, nomeadamente das bactérias, aumentando o risco da contaminação bacteriana dos alimentos, situação esta que pode desencadear uma intoxicação alimentar. Conheça alguns cuidados a ter quando preparar um piquenique ou um churrasco: 

A regra básica de segurança alimentar é: manter quentes os alimentos quentes e frios os alimentos frios!

 


Se necessitar de transportar a sua refeição para fora de casa:
- Confecione os alimentos, de preferência, no próprio dia.
- Cozinhe os alimentos completamente, e garanta que estes atingem, pelo menos, os 75ºC.
- Arrefeça-os rapidamente e mantenha-os no frio.
-Transporte os alimentos mais perecíveis (ex: queijo, fiambre, iogurtes) de forma segura, usando sacos ou malas térmicas com acumuladores de frio ou gelo.

Caso não possua equipamentos de refrigeração adequada, prefira alimentos que não se alterem com o calor:
- Frutas inteiras, pois são bastante resistentes à temperatura.
- Pão industrializado ou caseiro pode ser transportado fatiado, assim como bolos caseiros (sem recheio e sem cobertura). Este procedimento evita o uso de facas que podem estar inadequadamente limpas.
- Bolachas e barras de cereais, de preferência em embalagens individuais evitando o “abre e fecha” do pacote e várias mãos a manusear o produto (de preferência sem chocolate, pois com o calor irá derreter).
- Sumos de fruta e leite UHT, as embalagens pequenas, individuais, são a opção mais segura.
- Legumes em conserva como pepino ou tomate seco (para sanduíches, por exemplo). Garanta que leva um frasco que ainda não tenha sido aberto, pois não necessita refrigeração.

Evite os alimentos com ‘alto risco’ de provocar intoxicações alimentares, tais como:
- Ovos (omeletas, quiches, maionese, bolos com cremes, mousses…).
- Marisco.
- Preparações com carnes cruas ou mal cozinhadas.
- Produtos à base de leite.
- Arroz, massa e legumes cozidos.

Se a sua opção for um churrasco, preparado no local:
- Garanta a existência de um saco térmico para transporte dos alimentos.
- Armazene a carne crua numa caixa térmica e mantenha-a fria com acumuladores de frio, ou gelo, separada dos outros alimentos.
- Corte e prepare antecipadamente (em casa) as carnes e saladas, de forma a reduzir a necessidade de lidar com os alimentos quando estiver ao ar-livre.
- Se não tiver possibilidade de cozinhar um acompanhamento no local, a fruta natural ou em conserva pode ser uma boa opção.
- Lave as mãos antes e depois de manusear alimentos crus. Lave as mãos com água limpa e sabão e seque-as bem com toalhas comuns ou descartáveis.
- Considere o uso de lenços descartáveis e/ou um desinfetante de mãos, se não houver água potável.

Lembre-se:
- Mantenha os alimentos perecíveis bem refrigerados.
- Evite manusear alimentos no exterior.
- Garanta a limpeza das mãos e utensílios ao preparar/cozinhar alimentos.