Sort by
Sort by

Nestlé Portugal celebra 50 anos junto dos Madeirenses

‘Viver é uma Arte. A Nestlé Madeira faz Parte’

50 anos Nestlé Portugal na Madeira
Voltar aos Comunicados de Imprensa
  • Nestlé Portugal celebra 50 anos de presença na Região Autónoma da Madeira.
  • A campanha para os Madeirenses, entre 1 de maio e 31 de julho, vai oferecer um total de 50 cabazes.
  • Foi ainda criada uma campanha de media, que irá incluir os icónicos Táxis da Madeira, mupis, rádio, imprensa e digital.

Para assinalar os seus 50 anos de relação com os Madeirenses a Nestlé Portugal vai iniciar uma Campanha, a decorrer entre 1 de maio e 31 de julho, onde os participantes poderão ganhar um de 50 cabazes Nestlé. A mecânica da campanha é simples e acessível, tendo os participantes de adquirir pelo menos um produto das marcas Nestlé e, em seguida, aceder à página do passatempo através do link https://saboreiaavida.nestle.pt/50anosnestlemadeira para fazer o upload da fatura correspondente.

Para além da campanha nos pontos de venda, a Nestlé Portugal criou também uma iniciativa com os icónicos táxis da região autónoma. Durante todo o mês de maio, os táxis da ilha terão o símbolo dos 50 anos gravado nas laterias dos veículos, acompanhando os seus trajetos com orgulho. O logotipo, inspirado no centenário da Nestlé Portugal, adota as cores da bandeira da Madeira. A marca irá estar ainda presente em rádio, imprensa, digital e mupis.

"A Nestlé Madeira tem construído laços ao longo de 50 anos, acompanhando várias gerações de madeirenses, e é a estes que queremos agradecer a confiança depositada e o desejo de que continuem a contar connosco por muitas mais décadas. Não só a campanha no ponto de venda, como também toda a campanha media são a forma da Nestlé reconhecer o valor desta comunidade, celebrando uma história de parceria e compromisso com o bem-estar e a nutrição das famílias da Região Autónoma da Madeira.", afirma Nuno Araújo, responsável pela filial da Nestlé na Madeira.

A Nestlé Portugal assinala 5 décadas a trabalhar na região autónoma com o objetivo de facilitar o quotidiano das diversas comunidades do arquipélago, compreendendo de perto as suas necessidades, sejam elas nutricionais ou de conveniência.