Sort by
Sort by

BUONDI lança embalagens de café 100% recicláveis

Voltar aos Comunicados de Imprensa
  • Nova embalagem BUONDI – desenhada para ser reciclada – é feita de material plástico 100% reciclável
  • A inovação no lote BUONDI Prestige permite reduzir a pegada ecológica, eliminando o consumo anual de alumínio em 2,2 km2
  • Iniciativa surge no seguimento do compromisso da NESTLÉ em tornar as suas embalagens 100% recicláveis ou reutilizáveis até 2025
  • 100% da energia elétrica adquirida pela fábrica de cafés da NESTLÉ no Porto é proveniente de fontes renováveis e a fábrica não envia quaisquer resíduos para aterro

 

A marca de cafés portuguesa BUONDI, presente em mais de 20 países, lança agora uma nova embalagem desenhada para ser reciclada: o lote BUONDI Prestige, com embalagens produzidas a partir de um material plástico 100% reciclável em Portugal. Esta inovação permitirá eliminar o consumo anual de alumínio em 2,2 km2, bem como reduzir o consumo de água e energia necessários para produzir e reciclar este material.

O material, sendo menos complexo, é considerado uma opção mais favorável à reciclagem, pelo que será possível efetuar este processo em países nos quais não era possível fazê-lo com as embalagens anteriores. Em Portugal, estas embalagens deverão ser colocadas no Ecoponto Amarelo.

Esta abordagem está a ser aplicada nesta fase inicial aos grandes formatos de 1Kg comercializados pela NESTLÉ PROFESSIONAL.

Para Victor Manuel Martins, Business Executive Oficcer da Nestlé Professional “todos temos uma responsabilidade muito grande sobre a gestão dos recursos do nosso planeta, mas sabemos que, neste momento, as marcas têm uma responsabilidade ainda maior. Este é um projeto que iremos alargar e aplicar na restante gama de produtos e marcas de café portuguesas da Nestlé, produzidas na Fábrica do Porto.”.

Esta iniciativa vem no seguimento do compromisso da NESTLÉ para com o Pacto Português para os Plásticos, do qual é membro fundador com o compromisso de tornar as suas embalagens 100% recicláveis ou reutilizáveis até 2025. Nesse sentido, vários têm sido os esforços para assegurar a sustentabilidade em todas as etapas da cadeia de valor – desde a origem das matérias-primas, ao processo de fabrico e embalagens, bem como materiais de ponto de venda e equipamentos de apoio à produção de café.

A par das novas embalagens, a fita plástica utilizada nas caixas de transporte foi substituída por fita de papel reciclável. Além disso, 100% da energia elétrica adquirida pela fábrica de cafés da NESTLÉ no Porto é proveniente de fontes renováveis e a unidade fabril não envia quaisquer resíduos para aterro.

O compromisso para com a sustentabilidade da NESTLÉ e das suas marcas continuará uma prioridade, sendo que nos últimos 18 meses foi já possível reduzir em 150 toneladas o uso de plástico em toda a produção, pontos de venda e gestão de descartáveis.