Estudantes da Escola Profissional de Aveiro iniciam aprendizagem prática nas Fábricas e Centro de Distribuição da Nestlé em Avanca e Porto

II edição do projeto de ensino dual Nestlé/EPA entra em nova fase
Voltar aos Comunicados de Imprensa

Doze alunos da Escola Profissional de Aveiro (EPA) iniciam hoje o seu período de aprendizagem prática nas Fábricas de Avanca e Porto e no Centro de Distribuição em Avanca, no âmbito da II edição do projeto de ensino dual que a Nestlé Portugal desenvolve com esta escola profissional e que permite aos seus alunos terem uma aprendizagem em contexto real de trabalho.

Alunos da Escola Profissional de Aveiro

 

A I edição que iniciou em 2017 e terminou em fevereiro de 2020 teve lugar na Fábrica de Avanca, e foi no seguimento do seu sucesso que a Nestlé decidiu relançar este projeto novamente para os próximos três anos letivos. Através desta iniciativa, integrada no programa Nestlé Needs Youth, que tem como objetivo criar 750 novas oportunidades de trabalho para jovens até 2025, a Nestlé pretende formar os seus futuros quadros técnicos, tendo integrado na sua estrutura quatro alunos decorrente da I edição.

Tendo como mentores os próprios Colaboradores das Fábricas e do Centro de Distribuição, e aprendendo com os desafios técnicos do dia a dia, os jovens estudantes vão passar por diversas áreas como automação, mecânica, eletricidade e instrumentação. Além destas especialidades terão ainda a oportunidade de desenvolverem as suas competências de preparação para a entrada no mercado de trabalho, como por exemplo aprenderem a elaborar um CV eficaz, aprender a prepararem-se para uma entrevista ou ainda a saberem utilizar de forma eficaz o Excel e o Microsoft Teams.

Para dar início a esta nova fase os jovens foram hoje recebidos na Fábrica de Avanca, mas seguem depois para os locais de trabalho que lhes foram atribuídos: seis deles ficam na Fábrica de Avanca, quatro no Centro de Distribuição de Avanca e dois desenvolverão a parte prática deste curso na Fábrica do Porto.

O modelo desta edição é de rotatividade entre a escola e a Nestlé, onde terão a componente teórica e o foco na componente prática, respetivamente. No final dos três anos, este conjunto de doze alunos, atualmente com o 9º ano de escolaridade, obterá uma qualificação de nível 4 (equivalente ao 12º ano) nos respetivos cursos.

Nesta edição os cursos técnico-profissionais abrangem as áreas de Eletrónica, Automação e Comando, Eletrónica e Telecomunicações, Instalações Elétricas, Manutenção Industrial, áreas nas quais o contexto destas Fábricas e Centro de Distribuição é muito proficiente. Este curso comtemplará ainda uma bolsa de reconhecimento atribuída aos alunos pela sua assiduidade, desempenho e comportamento, quer na componente teórica, quer na componente prática.

Segundo a Responsável de Recursos Humanos das Fábricas e Centro de Distribuição da Nestlé, Rita Moreira, “contribuímos de forma preponderante para a formação destes jovens em contexto prático de trabalho, proporcionando o desenvolvimento de competências técnicas e pessoais necessárias para o futuro da vida profissional ativa. Tal não seria possível sem a dedicação dos nossos Colaboradores no crescimento destes alunos enquanto cidadãos para a comunidade, para um futuro mais saudável e sustentável.”

Com esta parceria, a Nestlé e a Escola Profissional de Aveiro unem esforços no desenvolvimento de um processo de qualificação profissional mais próximo das pessoas, das organizações e das suas necessidades, contribuindo para o desenvolvimento social e económico da região de Aveiro. Esta é uma iniciativa alinhada com os valores da Nestlé, de apoiar e partilhar valor com as Comunidades onde está inserida.